Doenças autoimunes: será Vírus, bactérias ou fungos?

Por detrás de uma doença autoimune pode estar um vírus
reactivado. Uma das principais causas de perda de tolerância do SI
tem a ver com o intestino, mas num grande número de casos existe
um vírus reactivado que induz a produção crónica de anticorpos.

Como sabemos, somos portadores de vírus com quem contactamos ao longo da nossa vida. A dada altura, por razões várias, como cansaço,
stress, sono sem qualidade, depressão, tristeza e algum problema, o
sistema imunitário perde eficácia e deixa que à sua revelia se reativem
alguns vírus que temos latentes dentro de nós. Estes anticorpos
aumentados podem involuntariamente atacar partes do nosso corpo que
tenham uma estrutura semelhante à do vírus. Por mimetismo celular
os anticorpos começam a atacar alguns órgãos do nosso corpo
como consequência da identificação de uma estrutura estranha.

Algumas relações já bem estabelecidas como por exemplo o vírus
EBV com Esclerose múltipla, tiroidite de Hashimoto ou artrites por
exemplo. O CMV – citomegalovirus está também presente numa
série de doenças autoimune e a lista que correlaciona
microorganismos e doenças autoimunes não para de aumentar!

De uma forma geral, já se consegue associar reativações virais,
bactérias ou fungos aos diferentes tipos de expressão de
autoimunidade.

Agora talvez entenda porque é que uma doença autoimune aparece
normalmente após um pico de stress ou de um choque emocional, pode
então haver uma reativação viral que é a causa desta autoimunidade,
associada a perda de tolerância do sistema imunitário a nível do
intestino.

Escreva um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked*

error: Content is protected !!